Otto Guerra receberá o troféu Eduardo Abelin no Festival de Cinema de Gramado

Otto-Guerra_Credito-Estudio-Perin_15275520171806_27062017151855

A organização do Festival de Cinema de Gramado anunciou, na última terça-feira (27), que o cineasta gaúcho Otto Guerra será o homenageado com o troféu Eduardo Abelin. Ele receberá a honraria durante a 45ª edição do evento, que ocorre entre os dias 17 e 26 de agosto, na Serra gaúcha.

Com longa trajetória em Gramado, Otto esteve pela primeira vez no festival em 1984 com a produção “O Natal do Burrinho”, que lhe rendeu o prêmio de melhor filme na Mostra Gaúcha de Curtas. Desde então, o cineasta teve seus trabalhos premiados em outras seis edições, sendo a mais recente em 2013, com o longa-metragem “Até Que a Sbórnia nos Separe”, vencedor dos prêmios de melhor filme pelo júri popular e direção de arte. “Nave Mãe”, Novela”, “O Reino Azul”, “Treiler” e “As Cobras” foram outros filmes de Otto celebrados em Gramado.

Destinado a diretores, cineastas ou entidades de cinema brasileiros, o troféu Eduardo Abelin foi criado em 2003 e já homenageou, em suas últimas edições, nomes como José Mojica Marins, Zelito Viana, Walter Carvalho e Arnaldo Jabor.

Festival de cinema a céu aberto acontece em maio na Capital gaúcha

Porto Alegre vai receber a primeira edição do Projeto Matinê, um festival de cinema a céu aberto com o melhor da produção cinematográfica gaúcha e nacional. O evento será realizado nos dias 20 e 21 (sábado e domingo) de maio no Parcão, das 15h às 22h.

banner matine

Durante o projeto o público poderá participar e interagir, de forma gratuita, a exibições de quatro filmes, shows musicais, vivências de cinema, oficina de maquiagem de efeitos especiais, oficina de animação em stop motion, espaço infantil, além de bate-papos com diretores renomados. As atividades serão conduzidas pelo ator Heinz Limaverde.

Ao longo da programação ocorrerá a vivência de cinema “Um Dia de Estrela”. Para esta oficina, o evento disponibilizará um set em chroma key e o público  terá acesso a figurinos e adereços para encenar um momento clássico do cinema. Sob a direção técnica da Cena Um Produções e do diretor Jeffie Lopes, as cenas filmadas serão editadas e disponibilizadas posteriormente na internet,  além de serem exibidas durante o evento.

O evento terá acessibilidade a cadeirantes e todos os filmes serão legendados. Para que as sessões tenham ainda mais gostinho de cinema, pipoca quentinha será distribuída aos espectadores.

Legal, né? Então confere a programação completa:

20 de maio, sábado

15h – Vivência de cinema “Um Dia de Estrela” / Oficina de efeitos especiais / Oficina de animação
16h – Bate–papo com diretor
17h – Show com Cine FloydO Mágico de OZ
18h – Mostra Curta Pró-Cultura RS
19h – Exibição do filme de animação Até que a Sbornia nos Separe (Otto Guerra – 2013)
20h30 – Exibição do longa-metragem Aquarius (Kleber Mendonça Filho – 2016)
22h – término

21 de maio, domingo

15h – Vivência de cinema “Um Dia de Estrela”
16h – Bate–papo com diretor
17h – Show com Cine Floyd2001 Uma Odisséia no Espaço
18h
– Mostra Curta Pró-Cultura RS
19h – Exibição do filme de animação O Menino e o Mundo (Alê Barreto)
20h30 – Exibição do longa metragem Saneamento Básico (Jorge Furtado – 2016)
22h – término

Matinê  é financiado pelo Pró-Cultura RS através do patrocínio da NET CLARO, tem apoio da Mosaico CulturalConteúdo Gestão Cultural, e realização da Olelê e do Grupo Austral.